Alimentação Saudável

 Aditivos em alimentos 

Muito antes do que imaginamos, os homens já utilizavam técnicas para conservar seus alimentos, como por exemplo, a defumação e salga de carne, a adição de açúcar em frutas transformando-as em compotas, entre outros.

Hoje em dia, as indústrias possuem várias técnicas para conservação dos alimentos.

Os aditivos alimentares desempenham funções de preservação e sensoriais e auxiliam o processamento de alimentos. Também são considerados aditivos os nutrientes como minerais e vitaminas, que se somam às quantidades naturalmente presentes nos alimentos.

 

Para que são usados?

Os aditivos são usados nos alimentos com o objetivo de modificar as características físicas, químicas, biológicas ou sensoriais durante todo o processo de fabricação, embalagem, armazenamento, transporte ou manipulação. 

Como está crescendo a diversidade de alimentos processados disponíveis nas prateleiras dos supermercados, restaurantes e lanchonetes, a exposição do consumidor a aditivos tende a aumentar também. 

 

E com o que devemos tomar cuidado?

Há estudos que falam sobre aditivos e suas consequências em nosso organismo. Entretanto, com o processo de industrialização cada vez mais ascendente e a necessidade da população ao acesso fácil e rápido aos alimentos, acaba se tornando impraticável a não ingestão de alimentos altamente processados. De toda forma, devemos sempre privilegiar alimentos in natura para garantir uma boa saúde e qualidade de vida.

 

Conheça os aditivos mais comuns:

Acidulantes – Intensificam o gosto ou sabor acido dos alimentos processados.

Antioxidantes – retardam o aparecimento de alterações oxidativa nos alimentos, impedindo interação com oxigênio. 

Aromatizantes e Flavorizantes – conferem ou intensificam o aroma ou sabor, podem ser aromas naturais, aromas artificiais e aromas imitação.

Conservador – evita o processo de fermentação, acidificação nos alimentos.

Corantes – Conferem ou intensificam a cor dos alimentos, podem ser corantes orgânicos natural, corante orgânico sintético artificial. 

Edulcorantes – conferem sabor doce aos alimentos.

Estabilizantes – aumentam a viscosidade dos ingredientes e evitam a formação de cristais.

Espessantes – Melhoram a textura e a consistência dos alimentos.

Umectantes – Evitam a perda de água ou umidade dos alimentos.

Voltar

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL É PRIORIDADE PARA O PROGRAMA AVANTE

Não só para os indivíduos mas para as empresas também! Indique sua empresa para participar do programa e tenha acesso a direcionamentos exclusivos para a sua saúde.